Revista Novo Perfil Curiosidades

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Ao contrário da crença popular de muitos, o homossexualidade é algo bastante comum no reino animal. Uma pesquisa de 1999, feita pelo pesquisador Bruce Bagemihl, mostra que o comportamento homossexual já foi observado em cerca de 1.500 espécies animais, variando de primatas a vermes intestinais, sendo bem documentado em 500 delas.

Não se trata apenas de relações “extra-conjugais”. Alguns animais formam casais homossexuais que passam a vida toda juntos, chegando ao ponto de criar filhotes doados por outros casais heterossexuais.

Confira abaixo uma lista de 7 animais que já tiveram comportamento homossexual documentado e que, ao contrário dos humanos, não tem nenhum problema social com a prática.

1 - Girafas 


O escritor e biólogo americano John Alcock, especialista em comportamento animal da Universidade do Estado do Arizona mostra que, em comunidades de girafas de maioria masculina, as fêmeas disponíveis podem ser ignoradas pelos machos. Na verdade, o comportamento homossexual entre girafas macho pode ser, em algumas comunidades, até mais comum que o comportamento heterossexual.



2 - Leões 


Sim, entre os leões, símbolos de virilidade, força e dominação, também foram observados diversos casos de homossexualismo. Uma certa porcentagem de leões abandonam suas fêmeas para formarem suas próprias reuniões do mesmo sexo. E como os leões são um dos animais com maior impulso sexual entre os felinos, é provável que seus encontros sejam mais do que apenas interações inocentes.



3 – Carneiros 


A contagem de carneiros homossexuais vem tirando o sono de muitos cientistas. Um estudo mostrou que a proporção de carneiros machos que formaram pares com outros machos e nunca mais tiveram contatos com fêmeas chega a 8%.



4 – Elefantes


Elefantes machos africanos e asiáticos se envolvem em relações com o mesmo sexo. Essas relações envolvem beijos, entrelaçamento da trompa e colocar a trompa na boca um do outro. Ao contrário das relações heterossexuais, que são sempre pouco duradouras, as relações entre machos podem durar anos. Elefantes asiáticos em cativeiro chegam a ter até 45% de todos os encontros sexuais com indivíduos do mesmo sexo.



5 - Bonobos (chimpanzé-pigmeu) 


Bonobos, que são também conhecidos como chimpanzés-pigmeu, estão entre os animais mais inteligentes do mundo e também são um dos nossos “parentes” mais próximos. Eles vivem em sociedade matriarcal e são altamente sociais e mais tranquilos do que os violentos chimpanzés. Além disso, o comportamento bissexual na espécie é bastante comum. Cerca de 60% de todas as atividades sexuais entre bonobos ocorrem entre duas ou mais fêmeas. Infelizmente, essa incrível espécie corre risco de extinção e depende de máximo esforço para se manter na natureza.



6 - Libélulas


Insetos também podem ser gays. Na verdade, há uma extensa lista de insetos que já tiveram relações homossexuais observadas. Entre as libélulas, investigações revelam que há provavelmente uma frequência bastante alta de encontros entre libélulas do mesmo sexo, podendo ficar entre 20 e 80% entre os machos.



7 - Galo-da-serra 


O galo-da-serra é um animal lindo e espetacular, com uma cor laranja brilhante e uma enorme crista que chama a atenção. É também uma das espécies com maior incidência de relações homossexuais, chegando a até 40% dos machos – algo que não parece acontecer entre as fêmeas, neste caso. 

Revista novo Perfil Online
Fonte: Discovery
Por: Gabriel Tonobohn


“O Mundo não lembra, dos que não se fazem lembrar”. Anuncie Conosco. Contato. revistanovoperfil@hotmail.com

Um comentário:

  1. Sabendo que os felinos têm "espinhos" na mucosa do penis e que esses espinhos têm a função de provocar a libertação do óvulo, pela fêmea, no momento da cópula. A minha curiosidade é: se no caso dos felinos homossexuais -- e nomeadamente os leões que o artigo acima aborda, -- ao praticarem sexo, consumam a cópula? uma vez que os tais "espinhos", certamente provocariam lesões no reto do parceiro. Ou colocando a questão doutra forma: neste caso, a homosssexualidade é consumada, ou é apenas "platónica"?

    ResponderExcluir

Entre em contato aqui!